Quais são as diferenças dos amigos de verdade para os amigos falsos?

A amizade verdadeira é um dos melhores presentes da vida. É um dos bens mais valiosos que devemos valorizar. Os amigos chegam em nossas vidas para somar, mostrar um mundo diferente do nosso, muitas vezes nos fazem mais bem do que nossa própria família.

shutterstock

No entanto, nem todas as amizades são da maneira que gostaríamos. Há pessoas que dizem ser amigas, mas na verdade se aproximam de nós apenas por interesse, e como o tempo, se afastam. Esses tipos de “amizade” não contribuem para a nossa felicidade e muito menos se importam de fato conosco.

Nem sempre é fácil distinguir um amigo de verdade de um amigo falso, isso porque há pessoas que sabem fingir muito bem ser uma pessoa que não é. Por isso, às vezes, pensamos que uma pessoa é nossa amiga, mas depois percebemos a verdade.

Conhecer comportamento e características é fundamental para identificá-los, assim como saber diferenciar os diferentes tipos de amizades que existem.

Uma das mais bonitas qualidades na amizade verdadeira além da lealdade, é entender e ser entendido.

Uma amizade verdadeira não se desenvolve sem uma comunicação regular.

O amigo verdadeiro ouve o que você quer transmitir. Um amigo legal tem coragem de trazer à atenção uma falha grave, e com cautela, dar a orientação necessária, correção e até mesmo conselhos. E quando você comente alguma falha? Esse amigo sabe perdoá-lo. Ele valoriza sua amizade, sua confiança, e não conta seus segredos para ninguém.

Sempre estará ao seu lado

O verdadeiro amigo está contigo em qualquer situação, toma iniciativa para ajudá-lo, fica ao seu lado principalmente quando você está com problema. Ele sempre está disposto a te dar atenção, mostra interesse em você, está contigo, seja nos momentos tristes ou felizes.

Ele quer que você tenha sucesso e seja feliz.

Esse mesmo amigo procura mais dar do que receber. É aquele que vê com alegria as suas conquistas, não se compara a você, nem a sua vida e nem quer tê-la, não sente inveja se sua vida é melhor que a dele. Ele aceita quem você é, como você é e está sempre disposto a te ajudar.

Assim como qualquer bom relacionamento, uma amizade sólida requer esforço e empenho de ambas as partes.

O amigo falso não se importante se você está bem ou mal.

O interesse dele é nele mesmo. Prefere entrar em contato principalmente quando precisa de algo, então ele se transforma na pessoa mais carinhosa e amável do mundo, mas tende a desaparecer quando você mais precisa dele. Pois, ele quer apenas que você lhe sirva o melhor.

Ele tem dificuldade em se sentir feliz por suas conquistas.

Demonstra em se alegrar com o seu sucesso, mas na verdade, secretamente, deseja tudo o que você conquista, na verdade, ele sente inveja de você. Não aceita como você realmente é.

É rápido para se ofender ou ficar com raiva de você.

O amigo falso não gosta de ser contrariado, principalmente quando você expõe sua opinião ou dá um conselho construtivo. Ele sempre quer ser o melhor, portanto, aproveita qualquer oportunidade para superá-lo.

Se fofoca de outra pessoa a você, provavelmente fará o mesmo com você.

Pode desejar nos usar para objetivos egoístas, nos manipular para conseguir o que deseja e até mesmo nos prejudicar apenas para se sentirem melhores consigo mesmas.

É verdade que precisamos escolher bem nossos amigos. Mas isso não significa que vamos limitar nossas escolhas a pessoas de certa idade ou formação. Interessar-se por pessoas de todas as idades, culturas e nacionalidades pode enriquecer sua vida.

Com carinho! ❤

Desejo um ótimo final de semana a vocês! 😉

Anúncios

11 qualidades que precisamos ter em um relacionamento.

O que sustenta um relacionamento por muito tempo, será somente paixão? Conforme o tempo vai passando, vai surgindo espaço para que ambos vejam mais claramente suas qualidades e defeitos.

Manter uma relação saudável exige que você faça escolhas diárias que deixe seu ego para trás e atue no melhor interesse do relacionamento. Isso requer muito mais que atração física e paixão, mas sim, ter certos pilares importantes, que juntos sustentam a relação.

Shot of an affectionate young couple bonding together outdoors

Neste post compartilharei com você algumas qualidades essenciais para o relacionamento.

1. Respeito

É importante saber respeitar e conviver com as diferenças. Em um relacionamento ambos se valorizam e cuidam de suas palavras, ações e comportamento, sem deixar de lado as necessidades e sentimentos um do outro.

2. Paciência

Em uma relação passamos a dividir rotina, problemas e desafios diários, e não somente momentos prazerosos. É preciso administrar altos e baixos de maneira coerente. Paciência e autocontrole é uma qualidade que pode ser desenvolvida e aprimorada.

3. Comunicação

Sem diálogo o relacionamento fica complicado, pois não há entendimento, não compartilham fatos, ideias, não solucionam conflitos e até mesmo, não conversam sobre a própria relação. Isso faz com que cada um tenha suas conclusões sobre o que o outro pensa e tenha suas suposições como sendo verdade.

4. Senso de humor

Não é divertido conviver com uma pessoa que tenha senso de humor? Isso torna a convivência de ambos mais prazerosa, além de ajudar a superar pequenos problemas do cotidiano e solucionar as pequenas discussões.

5. Companheirismo

Compartilhar ideias, apoiar o parceiro, dividir os momentos bons e ruins, ajuda unir o casal. A pior solidão que pode existir é a solidão a dois.

Por que é importante ficar atento? Depois de alguns anos de relacionamento, você pode parar de dar valor ao seu parceiro. Em vez de perceber o que ele faz de bom, pode ser que você se concentre no que ele deixa de fazer.

6. Apoio

Não é bom receber o apoio de uma pessoa querida? Isso ajuda a superar qualquer dificuldade. Não está sozinho com os seus problemas e ter uma pessoa para estar ao seu lado independentemente do que acontecer, é uma atitude inspiradora.

7. Otimismo

É sempre bom ter alguém que saiba ver o lado positivo das coisas. Os otimistas nos motivam na caminhada da vida.

8. Afeto e carinho

A demonstração de afeto é a forma como se expressa um carinho. Essa troca é importante mesmo depois de anos de relacionamento. O afeto é tão simples como tocar, dar um abraço caloroso ou beijar o parceiro sem qualquer motivo. Quanto melhor você sabe o que seu parceiro gosta, mais afetuoso pode ser.

Quando os dois se esforçam para ver as qualidades um do outro e fazem elogios, o relacionamento melhora. Quando marido e esposa sentem que são valorizados, até uma situação muito tensa pode ficar mais fácil de lidar.

9. Empatia

Cada pessoa é única em seu modo de ser, apesar disso, para construir um relacionamento a dois duradouro e saudável, é necessário se sentir realmente conectado ao outro, sendo capaz de se colocar no lugar dele e vice-versa. A empatia pode deixar sua relação mais sólida, madura e cheia de companheirismo entre vocês dois.

10. Confiança

Para um relacionamento tranquilo é importante que haja confiança das duas partes. Mesmo quando a confiança está quebrada, você pode encontrar uma maneira de restabelecê-la, se estiver disposto a trabalha nisso. Sem confiança, o relacionamento acaba se perdendo.

11. Compromisso

Toda relação requer um certo grau de compromisso. Geralmente, em um relacionamento amoroso exige-se mais comprometimento do que em uma amizade. É a vontade das pessoas que compõem um relacionamento de permanecer juntas.

Em se tratando de pessoas e sentimentos nada é exato, por isso, algumas questões devem ser trabalhadas pelo casal dia após dia para que o relacionamento não se desgaste.

Com carinho!<3

Tenham uma ótima semana! 😉

Você não precisa de um relacionamento para ser feliz.

Os relacionamentos, são sem dúvida, um dos aspectos mais importantes das nossas vidas. Eles podem nos proporcionar grandes alegrias e sensação de bem-estar. Talvez, por isso, sejam também os que mais nos causam problemas, porque sonhamos com alguém que seja exatamente como desejamos.

yourself

Você acha que precisa de um relacionamento para ser feliz? Será que somente com uma pessoa ao seu lado é o suficiente para proporcionar a felicidade tão desejada? Quais são as suas necessidades? Já fez essas perguntas para você mesmo?

A maioria das pessoas se envolvem em relacionamento para atender às suas necessidades. Necessidade de segurança, apego, afiliação, posição social e oportunidades no mundo social e principalmente intimidade. Sentem que precisam obter seu senso de identidade a partir do outro, e que seu parceiro é o responsável para garantir sua felicidade.

O que você quer é realmente uma necessidade? Quantas pessoas na sua vida você acha que tem uma boa compreensão de quais são suas necessidades?

Nem todas as pessoas entendem as suas necessidades, mas é importante que você identifique e entenda. Pois, os melhores relacionamentos são formados entre pessoas que são totalmente confortáveis e felizes por si mesmo, e que escolhem estar com alguém porque o amam, e não porque tem necessidade de ser feliz ao lado daquela pessoa. Vale ressaltar, que as relações são importantes porque também nos ajudam a definir quem somos, porém, jamais poderão proporcionar uma felicidade que não encontramos em nós mesmos.

Você não precisa de um relacionamento para ser feliz, você precisa aprender a compreender e conhecer a si mesmo, aprender a desfrutar de sua própria companhia. Ter a consciência que felicidade não vem do outro, mas que toda relação necessita de alimento para sobreviver e ele só terá base forte se os dois tiverem estrutura e segurança mútua.

Com carinho! ❤

Desejo uma ótima semana e boas festas. J

Como perder o medo da solidão?

A solidão é um sentimento de desamparo, uma sensação de profundo vazio e isolamento, como se estivesse sozinha no mundo, mesmo com várias pessoas ao redor ou sendo um casal. É um sentimento que nos enfraquece emocionalmente, nos causa estresse e atinge até mesmo o sistema imunológico.

fear-of-being-alone

A proliferação da rede social, a mudança radical na comunicação e no comportamento das pessoas gerou muitas consequências, uma delas é a insegurança, medo de perder o outro, medo de sentir medo, medo da solidão em sí.

Nosso cérebro tem um sistema automático que nos faz buscar a proteção em outra pessoa, e a falta até mesmo de um amigo íntimo é a chave para aumentar o medo da solidão. Você tem medo de ficar sozinho?

Muitas pessoas acreditam que felicidade é estar com a pessoa que ama, mas não é bem assim. Ter um relacionamento não é sinônimo de alegria, pior é quando dependemos de qualquer pessoa para ser feliz. Algumas pessoas estão em um relacionamento sólido, com a pessoa que ama ou sempre estão rodeadas de pessoas, e mesmo assim, sentem solidão.

A felicidade de ninguém deveria depender de estar com alguém, pois quando isso acontece depositamos expectativas no parceiro e nos frustramos por ele não agir como esperamos. Quando aprendemos a sermos felizes sozinhas, quando não temos medo da nossa própria companhia, passamos a dar mais valor para a companhia do outro e para felicidade que compartilhamos na presença desse alguém. Você acha que podemos perder o medo da solidão?

Perder o medo da solidão não é um processo fácil e requer muita determinação e esforço. É necessário aprender cultivar a solidão,  valorizar o que você é, aprender a lidar com você mesmo, tomar posse de si mesmo e de tudo o que você é. Porque haverá momentos, por mais que tenha pessoas ao seu redor, você terá que ficar sozinho, terá que saber lidar com a sua solidão, lidar com você mesmo.

Mesmo que outra pessoa queira estar ao seu lado, te ame, esteja com você. A pessoa responsável por você, é você mesmo. O outro apenas auxilia, com a presença, com o amor, com o carinho. Esse é um dos primeiros passos para que você tenha condições de amar alguém e viver com qualidade.

Quando identificar e entender o seu medo, conseguirá cultivar a sua felicidade, mesmo no momento de solidão. Portanto, supere o medo da solidão, valorize a si mesmo e perceba que é muito importante sem mesmo uma companhia. A sua felicidade depende de você!

Espero que tenham gostado. Com carinho! ❤

Desejo uma ótima semana. Abraço! 😉

 

 

Relacionamento Interpessoal.

Relacionamento Interpessoal é uma ligação, conexão ou vínculo entre duas ou mais pessoas. É de natureza do ser humano se relacionar, para isso, é necessário estar sempre vinculado a alguém e alimentar uma intensa troca de energia, conhecimento e emoções.interpersonal_relationship

Esse tipo de relacionamento é marcado pelo contexto onde ele está inserido, podendo ser um contexto familiar, escolar, de trabalho ou de comunidade. Quanto melhores e mais positivos forem os nossos relacionamentos interpessoais, maiores são as chances de construirmos conexões verdadeiras com as pessoas com as quais convivemos. Por isso, é fundamental a empatia, respeito, autodomínio e autoconhecimento.

Um bom relacionamento interpessoal é o resultado de um bom relacionamento intrapessoal. Pois é o reflexo da forma de como você se relaciona com você mesmo. Se está satisfeito com sua vida pessoal e profissional, suas relações externas tendem a ser melhores. Por outro lado, quando estamos com algum tipo de problema emocional acabamos refletindo na forma como tratamos as outras pessoas. Para um bom relacionamento interpessoal com os demais, antes de tudo, você precisa estar em paz consigo mesmo, por isso é  importante o autodomínio.

Se um relacionamento pode ser determinado e alterado de acordo com um conflito interpessoal que surge de uma divergência entre dois ou mais indivíduos. Então, como é possível nos relacionar tão bem com uma pessoa e com outra não e como aceitar que as pessoas são diferentes?

Esse tipo de conflito ocorre quando predominamos as diferenças no relacionamento (cultura, cor, classe social, crenças etc) mais rapidamente as relações interpessoais se deterioram. Por exemplo: a diferença de conflitos entre um amigo e uma pessoa desconhecida é que, com o amigo, o conflito é moderado pela vivência, similaridade, conhecimento mais íntimo e pensamentos comuns que compartilham. Já com o desconhecido é totalmente diferente, por isso é fundamental o respeito e a empatia. Assim como é fundamental buscar descobrir as similaridades ou se existem coisas em comum que possam estabelecer uma relação mais fácil com as pessoas. Dessa forma, conseguimos nos relacionar melhor quando a predominância e a ênfase estar baseada na redução das diferenças, das percepções e na busca incessante do entendimento entre cada um de nós.

Não é possível generalizar ninguém. Somos todos diferentes, e o mais importante é aceitar as pessoas do jeito como elas são, ressaltando as qualidades. Desejar manter uma relação interpessoal é a busca contínua no sentido de trazer a pessoa para você, de forma a motivar uma boa comunicação, proporcionar frutos positivos para o relacionamento.

Quanto mais você possui conceitos amplos e profundos sobre a vida e consegue reduzir às diferenças que nós seres humanos possuímos, certamente, você conseguirá adequar melhor e mais rapidamente as qualificações e competências humanas.

Com carinho. ❤

Desejo uma ótima semana a vocês!

Existe amizade entre homem e mulher?

Você acha que pode existir amizade entre homem e mulher? A amizade é uma relação efetiva que envolve cuidado, lealdade, companheirismo e amor.  É daquele tipo de relacionamento onde as pessoas compartilham muitos aspectos de suas vidas pessoais.

man-woman-friendship

Muitos acreditam que amizade com o sexo oposto pode transformar em namoro ou em uma relação de índole sexual. Há quem diga que é possível existir amizade sem interesse e segundas intenções. Embora algumas pesquisas apontam que a atração física está presente na maioria dessas relações.

A relação de amizade entre homem e mulher só começou a existir nos anos 70, quando as mulheres ingressaram no mercado de trabalho. Portanto, respondendo a pergunta: Você acha que pode existir amizade entre homem e mulher? Na minha opinião e por experiência própria, sim!

Homens e mulheres podem ser genuinamente amigos, desde que compreendam a diferença do relacionamento e deixem claro o tipo de amizade que querem ter. Dessa forma, podem desfrutar plenamente de uma amizade saudável.

Por outro lado, conflito acontece quando não é expressado claramente o que cada um deseja ou espera da relação. Não esclarecer, gera conflitos emocionais, como pensar que tem “direitos especiais”, pois podemos confundir a amizade com outro tipo de relacionamento, com aquele cuja finalidade é satisfazer alguma necessidade ou carência efetiva de uma das partes envolvidas na relação ou ambas.

O melhor benefício da amizade entre homem e mulher é a ausência de competitividade. Os homens são mais práticos e racionais. Já as mulheres são mais sensíveis e detalhista. A amizade pode beneficiar os dois.

Contudo, nem todas as amizades são iguais. Às vezes, como o tempo, com a convivência pode surgir outros sentimentos, de amor, paixão e atração. Então, cabe aos envolvidos decidir o que fazer.

O importante é não prejudicar a relação, manter a confiança e a sinceridade, afinal, a amizade é um aspecto social fundamental do ser humano.

Gostaria de sua opinião. Você acha que pode existir amizade entre homem e mulher?

Com carinho! ❤

Tenham uma ótima semana! 🙂

14 atitudes que podem destruir o seu relacionamento.

A infidelidade é sempre um motivo para acabar um relacionamento. Porém, nem sempre ela é a principal razão. Há vários motivos que são poucos discutidos e que são destrutivos além de uma traição.

relacionamento

Confira 14 atitudes que podem destruir  relacionamentos.

1. Falta de atenção no relacionamento

Mesmo com outras ocupações como o trabalho é importante dar atenção no relacionamento, planejando atividades a dois, como passeio, jantar, viagens, enfim, ter momentos lado a lado.

2. Esforço mútuo

Manter um relacionamento nem sempre é tão fácil. Por isso é importante que ambos se esforcem para dar certo, para que permaneçam juntos. Quando esse aspecto não está equilibrado, uma pessoa acaba oferecendo-se mais que à outra e dedicando-se mais. Com o tempo pode gerar desânimo da parte de quem esteve se esforçando para manter a relação intacta.

3. Celular

Os aparelhos celulares assim como podem favorecer, também podem destruir um relacionamento. Desentendimento entre casais podem acontecer quando alguma atitude ou comportamento de uma das partes acontece de forma completamente diferente do que o outro esperava. Por exemplo, quando o parceiro fica mexendo no celular enquanto o outro tenta conversar, isso demonstra falta de interesse pela pessoa que fala.

4. Má influência de amigos ou familiares

Apesar de ser muito bom ter amigos e parentes próximos, é preciso tomar cuidado. Certas ações podem influenciar negativamente no seu relacionamento. Você precisa analisar as relações no seu círculo de amizade e familiar e ser criterioso no que diz respeito a influência dessas pessoas na sua vida. Excesso de intromissão não faz bem à saúde do relacionamento.

5. Tarefas domésticas

De acordo com a pesquisa da Universidade de Alberta, casais que não dividem as tarefas domésticas tendem a estarem mais insatisfeitas com o relacionamento. Para ninguém sentir-se sobrecarregado e nem acender faísca entre o casal, combinem o que cada um pode fazer para equilibrar a divisão de tarefas domésticas.

6. Falta de diálogo

Conversar, discutir relação é um aspecto essencial para uma vida a dois. Muitos relacionamentos terminam por causa da falta de diálogo, fazendo com que estes não possam compartilhar experiências, conquistas, objetivos, além de resolver problemas que podem ocorrer no dia a dia.

7. Ficar lembrando o parceiro de erros do passado

Se seu parceiro errou no passado e você continuou a relação é sinal que você perdoou o erro. Ficar lembrando do erro sempre que acontece algo é uma atitude perigosa, e sempre será um incômodo entre vocês, não é sadio para a relação.  Se escolher ficar na relação esqueça o que aconteceu.

8. Ciúme

O excesso de ciúme causa muito sofrimento. Nunca provoque ciúme um do outro e se isso acontecer mesmo sem razão, tenha uma conversa calma para tranquilizar o parceiro(a).

9. Sem objetivos comuns

Os objetivos comuns do casal podem determinar se o relacionamento permanecerá ou não. Sendo que tais objetivos podem estar relacionados a construção familiar, a vida pessoal e também profissional. Quando esses objetivos e ambições não ficam claramente ditos um para outro, em determinado momento, pode diferenciar-se, causando a desunião.

10. Dinheiro

A falta de dinheiro costuma ser um dos motivos mais frequentes de desentendimentos entre casais. Cuidar das finanças e planejar juntos as despesas é melhor forma de evitar brigas por causa do dinheiro.

11. Intimidade

Muitos casais perdem o interesse um pelo outro com o passar do tempo, vários aspectos mudam, fazendo com que alguns momentos fiquem somente para certas ocasiões especiais.  A intimidade precisa permanecer, pois cada um tem suas necessidades relacionado ao casal como a si mesmo. Você não precisa ter relações sexuais todos os dias, mas algum tipo de carinho, quase que diariamente entre o casal, é importante.

12. Falta de apoio

O casal deve apoiar-se para que ambos consigam atingir seus objetivos, referente ao próprio relacionamento assim como à vida profissional.  Amparando-se um ao outro, encontram a força necessária para prosseguir, sendo que, a falta de apoio pode causar a separação.

13. Atitude crítica

A crítica constante, mesmo sendo construtiva, pode transformar o relacionamento em um ambiente de desentendimentos e a deterioração da relação, especialmente quando o parceiro não aceita ser corrigido.

14. Falta de sinceridade

Muitas pessoas têm receio de conversar com o parceiro sobre o que as incomoda. Se você não falar para ele o que não te agrada, ele não terá como adivinhar. Além disso, se você não ser sincera e tentar mudar a situação, possivelmente o seu sentimento, com o tempo, terá desgaste.

Espero que essas informações sejam úteis.

Com carinho. ❤

Tenha uma ótima senama e forte abraço! 😉